quinta-feira, 20 de março de 2014

quarta-feira, 19 de março de 2014

Primas, desunidas, marcham para reconciliação “eterna”

Sandra e Fafá Rosado
Quão prodigiosa é nossa política, heim…!?
Veja só esse exemplo:
Fafá, rosto cerrado, evitou olhar para a prima Sandra (Foto Robson Carvalho) no dia 28-09-2009
Há mais de dez anos que as primas ex-prefeita Fafá Rosado (DEM, hoje no PMDB) e deputada federal Sandra Rosado (PSB) andam às turras.
Além de duelos eleitorais, não faltam episódios de troca de processos judiciais e até incidentes – quase físicos – envolvendo familiares de lado a lado.
Mas em 2014, tudo pode mudar.
Em dois tempos.
Primeiro ato.
Nas eleições suplementares a prefeito e vice, o PSB e o PMDB de Sandra e Fafá deverão estar no mesmo palanque. Deputada estadual Larissa Rosado (PSB) como candidata a prefeito e o vereador e presidente provisório da Câmara Municipal, Alex Moacir (PMDB), como vice. Larissa, filha de Sandra. Alex, casado com uma sobrinha de Fafá.
Segundo ato.
Nas eleições estaduais, Fafá e Sandra devem ser candidatas à Câmara Federal pela mesma coligação.
Isso significa dizer, que uma poderá ajudar na eleição da outra, ambas saindo vencedoras ou apenas uma delas.
Os votos são proporcionais na disputa à Câmara Federal. Vale a soma de votos de todos os candidatos que constam em cada coligação/partido, para se fazer a eleição às vagas (oito para o Rio Grande do Norte).

Importante lembrar que durante longos anos, Fafá e seu esquema familiar estiveram à sombra do grupo de Sandra. Rompimento aconteceu em 2002. Foram cooptados pelo sistema político do primo comum, ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado (DEM), de quem se afastaram ano passado.
A máxima que trata a política como uma atividade “dinâmica” caminha para provar que é uma verdade absoluta. Para contrariedade de uns, alegria de outros.
Ao mesmo tempo deve reiterar a estupidez de tantos e tantos militantes, que brigam por esse ou aquele líder, sem saber que lá em cima os valores e relações interpessoais são outros. Nada é para sempre.
Vamos aguardar os acontecimentos.
Teremos muitos motivos para boas gargalhadas.
A política é dinâmica, sim!

Fonte: Carlos Santos/Martins em Pauta

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.

TSE diz que tem condições de manter eleições de outubro   POSTADO POR BLOG  O CIDADAO ...