terça-feira, 19 de maio de 2015

 

Escândalo de grandes proporções abala imagem administrativa do principal aliado de Robinson, Fátima e Galeno em Mossoró.


Um escândalo de proporções gigantescas, repercutido em toda a imprensa do Rio Grande do Norte, está abalando a imagem administrativa do prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior (PSD), principal aliado do governador Robinson Faria (PSD), da senadora Fátima Bezerra (PT), e do deputado estadual Galeno Torquato (PSD).

De acordo com denúncia do Jornal de Fato (Veja AQUI), parte da verba destinada ao programa "Mais Médicos" está sendo utilizada em Mossoró para custear despesas de aluguel em um residencial de propriedade do prefeito Francisco José. Inclusive, o Chefe do Executivo mossoroense já confirmou que o imóvel em questão é seu.

O mais agravante é que, além do residencial ser de propriedade do prefeito Francisco José, é a Prefeitura de Mossoró que libera recursos próprios para pagar a moradia dos profissionais. 

A reportagem explica que se confirmado que o prefeito está se beneficiando dos recursos públicos do programa "Mais Médicos", através de contrato de locação do seu residencial, ele poderá ser enquadrado em crime contra o bem público.

Como se sabe, Francisco José Júnior foi o principal cabo eleitoral das campanhas vitoriosas de Robinson Faria, Fátima Bezerra e Galeno Torquato em Mossoró. Em virtude disso, crescem as expectativas para saber qual dos três terão coragem de vir a público defender o aliado de primeira hora, neste momento tão difícil.

Que dureza..

O  CIDADAO

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.