quinta-feira, 7 de maio de 2015

  quinta-feira, 7 de maio de 2015

PREFEITURA DO NATAL CELEBRA DIA DO ARTISTA PLÁSTICO COM EXPOSIÇÃO DE GRANDES NOMES NA SEDE DA SECULT/FUNCARTE

Haverá também um debate sobre a Lei que prevê exposição de obras de artistas potiguares nos prédios recém construídos



Para festejar o Dia do Artista Plástico (8 de maio), a Prefeitura do Natal, através da Secretaria Municipal de Cultura/Funcarte, organizou programação contemplando exposições e também a discussão de temas relevantes sobre o segmento em Natal.

A programação começa às 11h desta sexta-feira (8), com exposição na Galeria Newton Navarro, sede da Funcarte, apresentando à população parte do acervo da Secretaria Municipal de Cultura. Obras dos mais importantes artistas potiguares estarão na galeria.

O público terá a oportunidade de ver obras de nomes consagrados na história das Artes Plásticas do Rio Grande do Norte. A partir do próprio Newton Navarro, passando por nomes como Dorian Gray, Leopoldo Nelson, Tomé Filgueira, Marcelus Bob, Sayonara Pinheiro, Jomar Jackson e Carlos Humberto Dantas. Todas estas obras são históricas e fazem parte do acervo municipal.

A partir das 19h, também na sede da Funcarte (avenida Câmara Cascudo, Cidade Alta), haverá mesa redonda discutindo temas pontuais do segmento em Natal. O primeiro assunto a ser debatido pelos artistas será o  formato  a ser adotado para o Salão de Artes Visuais de 2015.

Em seguida será abordada a regulamentação da lei municipal que prevê a exposição de pelo menos uma obra de arte em todo prédio recém construído em Natal.  A Lei prevê também que a obra de arte deve ser de artista potiguar e ficar exposta em áreas comuns do prédio.

Participam do debate os artistas  Flávio Freitas (Diretor do Núcleo de Artes Integradas da Funcarte) e Roberto Medeiros e os arquitetos Fabrício Amorim, da IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil-RN) e Néio Archanjo, membro do Complan – Conselho Municipal de Planejamento de Natal.

Sobre o Dia do Artista Plástico

O 8 de maio é reservado para as comemorações do Dia do Artista Plástico desde 1950. A data foi escolhida em homenagem ao pintor José Ferraz de Almeida, um dos artistas brasileiros mais importantes do  século XIX, que nasceu neste 8 de maio.

José Ferraz de Almeida nasceu em 1850 e no seu centenário os artistas decidiram homenagear seu nascimento com esta data festiva. José Ferraz de Almeida entrou para a Academia Imperial de Belas Artes aos 19 anos, foi aluno de Jules Lê Chevrel, Victor Meirelles e Pedro Américo. Em 1876, recebeu uma bolsa de estudos do Imperador dom Pedro II e seguiu para Paris, onde participou da exposição arte mais importantes da época, o Salon Offíciel dês Artistes Français. O pintor produziu cerca de 300 obras, e entre seus quadros mais famosos estão Violeiro, Picando Fumo e Caipiras Negociando, que retratam o dia-a-dia do homem do campo. Almeida Júnior morreu assassinado dia 13 de novembro de 1899, em Piracicaba (SP). Em 1950, 8 de maio foi oficializado como Dia do Artista Plástico Brasileiro.


Para entrevistas:

Flávio Freitas, Diretor do Núcleo de Artes Integradas. 9984-4223

Assessoria de Imprensa da Secult/Funcarte

Dionísio Outeda

9974 3839

8820 8769

FONTE; O CIDADAO

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.