sexta-feira, 19 de junho de 2015

Tristeza no Castanhão: Criadores Sofrem com a Mortandade de Peixes


Os criadores de peixes do açude Castanhão, localizado nos Municípios de Alto Santo, Jaguaribara e Jaguaretama, vem passando por momentos de tristeza e dor, diante de tantos prejuízos.

A capacidade do açude está abaixo dos 19% e atualmente comporta um grande número de gaiolas ( Tipo Criação) e devido a falta de oxigênio, toneladas de peixes estão morrendo.

Conversando com criadores da associação do Castanhão, podemos sentir a tristeza de quem a muitos anos trabalha com a principal fonte de renda dessa região, que agora ver o seu futuro ameaçado.

Muitos desses criadores tem empréstimos a pagar no banco, e espera-se que se caso os órgãos competentes venham a requerer a diminuição da produção, afim de acabar com a mortandade de peixes, que essas dívidas sejam prorrogadas.

O castanhão enfrenta o 4°ano seguido de seca, e provavelmente não suportará mais um ano de estiagem, a situação tende piorar segundo a Funceme, que já fez estudos que apontam uma nova estiagem em 2016.


*Por Rodolfo Lira do Alto Santo é Notícia.
 

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.