terça-feira, 18 de agosto de 2015


Militares mantêm acampamento após reunião com governador Robinson Faria 

O  CIDADAO 

Acampados há 13 dias em frente à sede da Governadoria, os representantes das associações de praças foram recebidos no final da tarde desta Segunda (17) pela cúpula da Segurança Pública e pelo próprio governador do Estado, Robinson Faria.

No entanto, as respostas apresentadas não foram satisfatórias para categoria, que sem acordo sobre as demandas permanecem com o acampamento até a próxima quarta-feira (19), quando está prevista nova reunião com o governo.

Constam na pauta de reivindicações dos policiais e bombeiros militares o cumprimento do devido enquadramento dos níveis remuneratórios, ponto que foi sinalizado como negativo pelo governo; remuneração de acordo com o posto de graduação, que segundo a proposta apresentada hoje seria paga aos recém promovidos agora e para os militares que foram promovidos entre os anos de 2012 e 2014, somente no mês de outubro.

Já a promoção ex officio – concedida quando o graduado permanece por tempo dobrado em um mesmo nível por causa da ausência de vagas, seria concedida aos militares aptos em um cronograma de 6 parcelas. Sendo elas em agosto e dezembro de 2015; abril, agosto e dezembro de 2016 e abril de 2017. Porém, neste quesito não foi apresentado nenhum tipo de cronograma contendo o número de promoções que aconteceriam a cada mês.

Diante do clima de insatisfação geral na categoria, com profissionais promovidos há mais de dois anos recebendo salários das graduações anteriores, além de outros há mais de 10 anos sem ascender profissionalmente, os militares deliberaram por manter as mobilizações.

Na quarta-feira, os militares se reúnem a partir das 8 horas da manhã no Clube Tiradentes, no Alecrim, para seguir em carreata até o Centro Administrativo e acompanhar a reunião prevista para às 11h. Em seguida, a categoria realiza assembleia para definir os rumos do movimento.
 
Fonte:No minuto

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.