sexta-feira, 4 de setembro de 2015

CANDEEIRO: Depoimentos confirmam esquema e só em um prédio ex-diretor do IDEMA tinha 10 apartamentos


O BlogdoBG divulgou em primeira mão na manhã desta quinta-feira e a Tribuna do Norte confirma em sua edição desta sexta-feira que o chefe da Unidade Instrumental de Finanças e Contabilidade (UIFC) do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), João Eduardo de Oliveira Soares, e o empresário e ex-chefe do mesmo setor, Clebson José Bezerril confessaram, em depoimento prestado ao Ministério Público Estadual, envolvimento no esquema corruptivo que desviou pelo menos R$ 19,3 milhões dos cofres do órgão. A confissão foi feita na tarde da quarta-feira passada, ao longo do depoimento prestado aos promotores de Justiça logo após serem presos durante a Operação Candeeiro.
Por ter contribuído em seu depoimento, João Eduardo conseguiu o alvará de soltura ontem mesmo, o que deve ocorrer com Clebson Bezerril nesta sexta-feira. Já ex-diretor administrativo Gutson Johnson Giovany Reinaldo Bezerra deverá ter sua prisão preventiva revertida em temporária,  Gutson está preso no quartel -geral da polícia por ser advogado.
IMÓVEIS:
O BlogdoBG também publicou nesta quinta a relação dos bens indisponíveis de todos os acusados a pedido do MP, só no edifício Duna Barcane, em Ponta Negra, Gutson Bezerra possui 10 apartamentos, sendo 9 em nome da ex-esposa Aratusa Barbalho de Oliveira.
A Tribuna do Norte também destaca que Aratusa Barbalho supostamente figura como funcionária fantasma da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, onde a mãe de Gutson, Rita das Mercês Reinaldo, foi procuradora-geral por mais de duas décadas.
Link do post mostrando todos os bens indisponíveis dos acusados: http://blogdobg.com.br/candeeiro-vejam-todos-os-bens-sequestrados-dos-envolvidos-nos-desvios-no-idema/



Comentários (5) enviar comentário
  1. Sérgio Nogueira
    Mais um advogado preso por desvio de recursos públicos e a OAB fazendo beicinho por causa de um entrevero numa delegacia.
    Fico me perguntando se isso é normal, se não incomoda os demais inscritos, se eles acham que a OAB age certo fazendo tanto silêncio. Afinal de contas OAB não pune esses casos porquê?
    Por isso que como eu, várias pessoas não compram um carro usado de um advogado.

  2. peter
    A maioria dos acusados, são jovens de bom padrão educacional, mas infelizmente não tiveram exemplos de que o nome e a dignidade ,são as maiores riquezas morais de um ser humano.
  3. João ninguém
    Tem mais bens distribuídos entre os parentes pois o padrão de vida ostentado pelos irmãos, sobrinhos, etc não comporta a renda.
  4. Solange Amorim
    A juventude botando pra quebrar. Quem por peixe é criado, vai achar que comer peixe é normal.
    "Me diga de onde vem e por quem foi criado e com quem andas, que te direi quem és";
    Fatos tristes da vida real.

  5. Gomes
    Não tem nenhum político envolvido nesse esquema? Estranho…

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.