quinta-feira, 31 de março de 2016

[POLÊMICA] Juíza entrega investigação para juíz Sérgio Moro, e Lula a qualquer momento pode ser preso 

 

POSTADO BLOG   O  CIDADAO

150727213719_lula_624x351_afp
Sérgio Moro agora tem o poder de prender lula. A Justiça de São Paulo entregou nas mãos do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba (PR), o pedido de prisão preventiva elaborados pelo Ministério Público de São Paulo contra o ex-presidente da república, Luiz Inácio Lula da Silva. Foi publicada nesta segunda-feira pela Tribunal de Justiça do Estado a decisão tomada na 4ª Vara Criminal da Capital.
A juíza Maria Priscilla Ernandes Veiga Olivei tomou essa decisão, afirmando que nas investigações da Operação Lava Jato, o juiz Sergio moro declara que  favores injustificados recebidos pelo ex-presidente é relacionado a empreiteiras investigadas, em resolução, Moro de diz  “fundada suspeita de que o ex-presidente teria recebido benefícios materiais, de forma fraudulenta, de empreiteiras envolvidas na Operação Lava Jato, especificamente em reformas e benfeitorias de imóveis de sua propriedade”.
20_1458077015
A citação de  Sérgio Moro “há suspeitas de que o ex-presidente seria o real proprietário de dois imóveis em nome de pessoas interpostas”, exemplo: como o tríplex no Edifício Solaris, no Guarujá, e o sítio Santa Bárbara, em Atibaia. A juíza destacou como um dos motivos pelos quais deve prosseguir na 13ª Vara Federal de Curitiba, onde Moro toma conta de vários processos relacionados à Operação Lava Jato.
“Têm-se que nos processos da Operação Lava Jato são investigadas tanto a cessão do tríplex no Guarujá ao ex-presidente e sua família, bem como as reformas em tal imóvel, (…) e ainda a mesma situação com o notório Sítio na Comarca de Atibaia, ambos no Estado de São Paulo, após minucioso trabalho da Polícia Federal e do Ministério Público Federal”, afirma a juíza, que conclui que “é inegável a vinculação entre todos esses casos da Operação Lava Jato”.
Fonte: Pensa Brasil
Be Sociable, Share

Estado é responsável pela morte de detentos dentro dos presídios, decide o STF Publicado 12 horas atrás 

 

POSTADO  BLOG  O  CIDADAO 

Foto: Dorivan Marinho/SCO/STF
Por Felipe Recondo Brasília
Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje que o Estado pode ser responsabilizado pela morte de detento dentro do estabelecimento penitenciário. Conforme a tese firmada pelo Supremo, cabe ao Estado provar que sua omissão não contribuiu para a morte do detento. Neste caso, se o Estado provar que não teve culpa, não poderá ser responsabilizado e, assim, não precisará indenizar a família do preso.

No caso concreto, a Sexta Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul reconheceu a responsabilidade civil objetiva do Estado pela morte de um detento no estabelecimento penitenciário.

O Estado alegou que não poderia ser responsabilizado, pois o detento teria se suicidado. E o histórico do preso não indicava haver sinais de distúrbios comportamentais “que deveriam alertar o ente público a cuidados especiais, que é o caso dos autos, não há como impor ao Estado o dever absoluto de guarda da integridade física dos presos”. O laudo, entretanto, não foi conclusivo sobre as circunstâncias da morte – se homicídio ou suicídio.

Por unanimidade, o plenário do Supremo Tribunal não acolheu o recurso do governo do Rio Grande do Sul e manteve a decisão do TJ-RS. Relator do processo – RE 841.526 com repercussão geral -, o ministro Luiz Fux embasou seu voto no artigo 5º, inciso XLIX: é assegurado aos presos o respeito à integridade física e moral.

A tese firmada pelo Supremo na repercussão geral foi: “Em caso de inobservância de seu dever específico de proteção previsto no artigo 5, inciso XLIX, da Constituição Federal, o Estado é responsável pela morte de detento.”

“A decisão da Corte representa grande avanço para o saneamento do sistema prisional”, afirmou o presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski. “Essa decisão fará com que o Estado tome mais cuidado com aqueles que estão sob sua custódia”, acrescentou.

Sala do Empreendedor de Marcelino Vieira informa:

Postado por Verônica Rodrigues às 16:53

BLOG   O  CIDADAO 


O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial-SENAI visita o município de Marcelino Vieira.A presente ação realizou-se na manha desta quarta-feira 30/03/2016 ,em pauta, cursos, capacitações, palestras, seminários, dentre outros mecanismos de fomento a qualificação profissional voltadas para estudantes, profissionais da gestão pública e autônomos, bem como para todo setor da indústria, comércio e serviço. O instrutor do SENAI Rogério Bezerra ficou bastante entusiasmado com as ações desenvolvidas no município através da Sala do Empreendedor representada pelo Agente de Desenvolvimento Erinaldo Souza. O Secretário Chefe de Gabinete José Jilsemar pontuou o compromisso do Prefeito José Ferrari de Oliveira com o desenvolvimento econômico e social do município de Marcelino Vieira.

MARCELINO VIEIRA incluso na lista de 51 cidades do RN aderiram a transparência da CGU

 

POSTADO BLOG   O  CIDADAO 

  FONTE:  Verônica Rodrigues às 16:33

Marcelino Vieira é uma das apenas 51 cidades do Rio Grande do Norte(com 167 municípios) que aderiram, até o momento, ao projeto de transparência pública elaborado pela Controladoria Geral da União (CGU), órgão federal cujas ferramentas de transparência estão entre as melhores do mundo. A legislação em vigor prevê como obrigatória a implantação de ferramentas de transparência. Confira a relação AQUI.

De acordo com a última atualização da CGU, até fevereiro, houve 1.576 adesões ao programa Brasil Transparente. A não participação no projeto não significa, no entanto, que o ente não tenha ferramentas de transparência pública. Mas a ausência é termômetro do quanto o gestor se importa com o assunto, já que a CGU monitora, avalia e divulga resultados sobre o assunto, provocando o Ministério Público a agir no caso de quem cumpre parcialmente a lei ou que não a cumpre.

Um dos exemplos de adesões no Rio Grande do Norte é o próprio governo do Estado, que teve avaliação zero no primeiro ranking da CGU no ano passado. Já nesse ano, após adquirir as ferramentas da CGU e implantar uma nova plataforma de transparência, o Estado ficou entre 15 melhores e espera, na próxima, estar entre os 10.

Todas as adesões ao Brasil Transparente no âmbito do Rio Grande do Norte foram feitas em 2013 e 2014. Nenhum ente manifestou interesse em aderir à proposta no ano passado. No caso do Governo do Estado, o pacto foi feito em 11 de dezembro de 2014, mas só a partir do início do ano seguinte é que o projeto começou a ser tocado.

Quem adere ao programa da CGU passa a contar com uma espécie de consultoria para implementar as ferramentas de transparência. A Controladoria Geral da União realiza seminários, cursos e treinamentos para os agentes públicos, cede o código fonte do sistema para o Serviço de Informação ao Cidadão (e-SIC); promove campanha sobre o assunto e ajuda a implantar o portal da transparência.

Uma das providências a serem adotadas pelos municípios de Marcelino Vieira e Tenente Ananias é a regular alimentação dos Sistemas de Informação em Saúde (Sinan Dengue Online)
 
Em virtude da situação iminente de perigo à saúde pública pela presença do mosquito transmissor da dengue, da chikungunya e do zika vírus, o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da Promotoria de Justiça da Comarca de Marcelino Vieira, emitiu Recomendações que preveem medidas de vigilância. Os documentos foram direcionados aos prefeitos de Marcelino Vieira e Tenente Ananias e suas respectivas Secretarias Municipais de Saúde.
 
As autoridades devem providenciar a regular alimentação dos Sistemas de Informação em Saúde (Sinan Dengue Online) com a notificação em tempo oportuno dos casos suspeitos de dengue, chikungunya e zika vírus, incluindo a busca ativa dos casos e a investigação epidemiológica para identificação correta dos pacientes.
 
O MPRN levou em conta a nova classificação de dengue, padronizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e adotada pelo Ministério da Saúde, ocasionando mudanças nas fichas de notificação e investigação e estabelecendo que as notificações sejam realizadas exclusivamente pelo Sinan Dengue Online. 
 
A deficiente alimentação do sistema impossibilita a real identificação dos riscos à saúde da população, por falta de reconhecimento dos casos positivos e, por sua vez, do tratamento necessário com a correta prescrição dos exames de sorologia e, consequentemente, a notificação dos casos positivos para as doenças.
 
A partir disso, também foi recomendada a instalação de computadores, acesso à internet e servidor responsável para alimentação regular do Sinan, bem como a capacitação deste profissional, e o encerramento dos casos notificados em tempo oportuno.
 
As Prefeituras devem ainda garantir a capacitação dos profissionais de saúde que atuam nos serviços de assistência para identificação dos casos das três doenças já citadas e promover as notificações epidemiológicas referentes aos Sistemas de Informação para controle efetivo da Vigilância Epidemiológica dos casos detectados. 
 
Essa qualificação também deve ser dirigida aos agentes de endemias, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde e a equipe do Programa Estadual de Controle da Dengue. Além disso, as autoridades terão que providenciar número suficiente de agentes, contabilizada a reserva técnica, para preservar os direitos trabalhistas e evitar a ausência prolongada nas atividades de campo, procedendo a contratação de pessoal para suprir a necessidade temporária de excepcional interesse público, obedecendo ao disposto na Lei Federal nº 8.745 de dezembro de 1993 e em lei municipal que regulamente a matéria.
 
De acordo com as Recomendações, as Prefeituras também devem adotar providências para  adquirir os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) por agentes de endemias e os insumos necessários ao trabalho, tais como pesca-larvas, provetas, trenas, escadas e outros itens, bem como a capacitação dos profissionais que atuam diretamente no combate ao mosquito aedes aegypti.
 
Os municípios terão que proceder o monitoramento e as supervisões semanais das atividades de controle da dengue e combate ao mosquito, através das ações dos agentes de endemias, e garantir veículos para o trasporte dos profissionais às áreas mais distantes dos municípios.
 
A Promotoria de Justiça também recomendou que as Prefeituras garantam a realização de pelo menos 10% de coleta e resultado de sorologia para confirmação dos casos de dengue, chikungunya e zika vírus providenciando o transporte adequado das amostras coletadas até o Laboratório Central (Lacen).
 
Outra medida presente nas Recomendações é a realização dos seis ciclos anuais de controle da dengue, para estar de acordo com a normatização vigente e as orientações do Ministério da Saúde para reduzir o Índice de Infestação Predial (IIP) para percentual abaixo de 1%. 
 
O MPRN recomendou ainda que os municípios formalizem a implantação dos comitês de ações intersetoriais para mobilização das ações de combate ao mosquito. Além disso, deve ser  elaborado Decreto Municipal de apoio às ações da Vigilância Sanitária, para amparar legalmente ações de campo no acesso aos imóveis fechados, abandonados ou com acesso não permitido pelo morador e, também para os casos de residências com focos reincidentes, com a utilização das minutas de legislação sugeridos no Manual de Amparo Legal à Execução das Ações de Campo, edição do Ministério da Saúde.
 
Os documentos ainda preveem que as Prefeituras fiscalizem o cumprimento da carga horária de 40 horas semanais dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de endemias, conforme o disposto no art. 9º-A da Lei nº 11.350/06, que teve sua redação alterada pela Lei nº 12.994, de 17 de junho de 2014. 
 
O MPRN adverte que o descumprimento das Recomendações implicará na adoção das medidas judiciais cabíveis, devendo ser encaminhadas à Promotoria de Justiça de Marcelino Vieira, ao final do prazo de 30 dias, as informações pormenorizadas quanto à adoção das medidas administrativas para o seu cumprimento.

quarta-feira, 30 de março de 2016

MARCELINO VIEIRA: TRE-RN OFICIA A PRESIDENTA DA CÂMARA DOS VEREADORES SOBRE EXISTÊNCIA DE MANDATOS CASSAD 

  BLOG  O  CIDADAO

Postado por Verônica Rodrigues às 09:26
O Excelentíssimo Juiz Eleitoral da 60ª zona eleitoral da comarca de Marcelino Viera(Dr. João Afonso Morais Pordeus), oficia a Presidenta da Câmara de Marcelino Vieira para que a mesma informe em caráter emergencial(5 dias), a existência de mandatos eleitorais cassados desde 1988 até 2014.

terça-feira, 29 de março de 2016

General do Exército faz revelações contra Dilma e acusa STF de acordo a portas fechadas

Representante das Forças Armadas do Brasil tece constantemente comentários contra a presidente.

 

 postado   blog   o   cidadao

Dilma Rousseff em encontro com militares
Publicidade
Quando você acha que não vai ver mais nada de revelador na atual crise que atinge o governo brasileiro, surge uma informação importante, que bota ainda mais pressão nos dois lados, o que defendem e os que são contrários ao governo da presidente Dilma Rousseff. Nessa semana, o General-de-brigada do Exército brasileiro, Paulo Chagas, fez críticas contundentes aos que governam o território nacional. As críticas apesar de pessoais e não oficiais do próprio Exército, acabaram alimentando a "semente da discórdia" de todos os lados. 
Tudo começou depois que o Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, decidiu dar a decisão de tirar as investigações sobre o ex-presidente Lula das mãos do juiz federal Sérgio Moro, que está a frente da Operação Lava-Jato a mais de dois anos. Tal decisão, deixou nas mãos da mais alta corte do país o papel de decidir, por exemplo, se Lula seria ou não preso preventivamente. Enquanto isso, o juiz de Curitiba, já havia divulgado áudios interceptados pela polícia federal que sugerem que Luiz Inácio Lula da Silva estava tentando atrapalhar as investigações da PF. 
A decisão do Ministro revoltou o General Paulo Chagas, como informou Leandro Cari neste sábado, 26. Clique aqui para ler a matéria completa. De acordo com o General-de-brigada, o Ministro da mais alta suprema corte teria apenas dado sua decisão como agradecimento ao Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, que não teria se intimidado com as atuais decisões que acontecem no Brasil. 
Paulo Chagas diz ainda que Teori teria apoiado por meio de vias transversas um governo corrupto. A revelação contra Dilma Rousseff pegou muita gente de surpresa. Ele ainda lembrou em seu discurso que pelo menos Lula não era mais Ministro da Casa Civil. Mas não para por aí. A crítica chega em um momento polêmico, quando o general afirma que o Ministro do STF teria premeditado sua decisão em um encontro a portas fechados. De acordo com ele, tudo indica que o governo já até sabia da decisão antes mesmo dela ter sido manifestada.

Exclusivo: Presidente Dilma deve renunciar nas próximas 48 horas

Presidente Dilma Rousseff

Segundo Dalmo Accorsini, um dos responsáveis por denunciar a empresa venezuelana, a Smartimatic, conhecida por fraudar eleições em vários países, inclusive aqui no Brasil nas eleições de 2014, a presidente Dilma deve renunciar nas próximas horas. 


A informação foi passada em seu perfil pessoal no Facebook, por volta das 21:30, na noite desta segunda-feira (28).


O mesmo afirma que a presidente não renunciou ainda, porque Jaques Wagner é o único que está impedindo que isso aconteça.

Se é verdade ou não, o tempo vai dizer

 

APRORN institucional denuncia a falta de atenção e respeito com os Policiais Militares do Interior do RN 

 

POSTADO BLOG    O   CIDADAO 

APRORN visita policiais na área do 7º BPM, e uma das reivindicações é o vale refeição para nossos Policiais da Região do Alto Oeste.
A APRORN tem essa sensibilidade, e sabe dessa necessidade que os nossos policiais tem há décadas, e agora obedecendo ao princípio da isonomia, exigimos das autoridades competentes que nossa região seja contemplada com esse beneficio, já que todas as outras estão recebendo o referido vale refeição.
  Adm. da APRORN Sgt Monteiro

Ministério libera vacinação antecipada contra H1N1

POSTADO BLOG  O  CIDADAO

vacina hepatiteDiante da antecipação do surto de gripe H1N1 identificada em São Paulo, o Ministério da Saúde vai permitir a antecipação da vacinação contra a doença. Ao contrário do que ocorria em outros anos, Estados interessados poderão começar a imunizar grupos considerados mais vulneráveis antes da campanha nacional, que terá início em 30 de abril.
Cada administração deverá divulgar o calendário que adotará. A estratégia em parte atende a um pedido feito ontem pelo governo de São Paulo. Nos primeiros três meses deste ano, o número de casos registrados de H1N1 já superou o que foi relatado em todo o País entre janeiro e dezembro de 2015. Do começo do ano até o dia 19, foram registrados 305 casos e 46 mortes no Brasil. Em todo o ano passado, houve 141 casos e 36 óbitos. “Foi uma surpresa o surto nesta dimensão. E sobretudo o período”, afirmou o coordenador do Controle de Doenças da Secretaria da Saúde de São Paulo, Marcos Boulos.
29/mar./2016
ás 09:49
Publicado por Robson Pires na categoria

Homem propõe ‘caixinha’ para ladrões após ter casa furtada 2 vezes

 

POSTAdo por   blog   o  cidadao

Cet2xUXWAAAsWpyIrritado depois de ter a casa furtada duas vezes em menos de três meses, um brasiliense afixou duas faixas com mensagens inusitadas na porta de casa: na primeira, diz que não há mais nada no local para ser furtado; na segunda, ironiza afirmando que deixaria dinheiro na caixa de correio para que criminosos não arrombassem mais o portão de casa.
De acordo com o bombeiro hidráulico da Companhia de Saneamento do Distrito Federal Emanoel Costa, o prejuízo nas duas ocasiões soma R$ 8 mil.
“Proponho ao ladrões: ao invés de trocar portas e fechaduras todo mês, eu faria uma contribuição voluntária. Deixava na caixa de correios todo mês. Desta forma ficaria mais barato”, diz uma das faixas.

Demissão na comunicação: A perseguição aos jornalistas pelo PT

 

BLOG   O  CIDADAO

missa bispo
Atualmente comentarista político da TV Gazeta de São Paulo e da Rádio Estadão, o jornalista José Nêumanne Pinto fez uma declaração polêmica em sua conta no Twitter na noite deste domingo (27).

Questionado por uma fã que afirmava sentir falta de seus comentários nos jornais do SBT, onde tinha o quadro “Direto ao Assunto” e falava sobre a política nacional entre 2007 e 2014, Nêumanne afirmou que foi demitido da emissora de Silvio Santos por conta de pressões do Governo Federal, mais exatamente da presidente Dilma Rousseff (PT).
“Fui demitido do SBT por pressão de Dilma Rousseff. Estou muito bem no Jornal da Gazeta. Muito obrigado!”, afirmou o jornalista.

Do blogue: medindo as devidas proporções, este blogueiro também foi demitido da Rádio Rural de Caicó AM por pressão de uma ala do PT do Rio Grande do Norte. O diretor petista Ivanoff Pereira demitiu-me sumariamente porque fiz criticas ao PT durante o programa que tinha o mesmo nome do de José Nêumanne Pinto: Direto ao Assunto. Fui o primeiro caso de perseguição política religiosa do Estado do Rio Grande do Norte.
A quem diga  que houve o “dedo” do bispo de Caicó, Antonio Carlos Cruz, que é o presidente da Fundação Educacional Santana que controla os meios de comunicação da diocese: Rural AM de Caicó, Rural AM de Currais Novos, Rural AM de Parelhas e 95 FM de Caicó. Que defendeu durante recente homília o PT e o governo de Dilma causando revolta a muitos fiéis.
A Rádio Rural de Caicó AM não somente censurou meus comentários, mas acabou com a liberdade de expressão, o bem mais sagrado de um jornalista. E ainda quer se intitular: “A Voz do Povo”.

Governo divulgará reajuste nos medicamentos no dia 31

 

BLOG   O  CIDADAO

20130527181620739645oNa quinta-feira (31), o governo federal vai divulgar o índice de reajuste nos preços dos medicamentos, conforme prevê a legislação. Mas ao contrário dos outros serviços de preços administrados, como combustíveis, energia e transportes, o reajuste não deverá ser tão rigoroso.
Isso porque o setor já trabalha com a expectativa de o governo conceder um reajuste abaixo da inflação, como ocorre tradicionalmente a cada ano. Além disso, houve mudanças na fórmula do cálculo de reajuste que poderá diminuir o índice de reajuste, segundo o Ministério da Saúde.

Medicamentos devem ter alta acima da inflação Expectativa é de que governo aprove reajuste de 12,5% a partir de quinta-feira

 

blog    o  cidadao 





O setor farmacêutico sofre os efeitos da grave crise econômica e o brasileiro paga a conta. Pela primeira vez, em mais de 10 anos, os medicamentos poderão ter aumentos acima da inflação. A expectativa é de que o governo aprove reajuste anual de 12,5% para os remédios. Os novos preços começam a valer em 31 de março, mas é aconselhável que o consumidor faça pesquisa, uma vez que o valor só deve ser alterado quando os estoques forem renovados.

As oscilações do câmbio e o aumento expressivo da energia elétrica tiveram grande influência na mudança, segundo explicou o  presidente executivo do Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos no Estado de São Paulo (Sindusfarma), Nelson Mussolini. “Cerca de 95% da matéria-prima utilizada na indústria farmacêutica é importada”, disse.

A produtividade do setor foi negativa, o que significa que a mão de obra contratada produziu menos do que no ano anterior. Com a anulação dos fatores de produtividade, o governo determinou apenas uma faixa de reajuste para todas as categorias de medicamentos. “Antes, os remédios que tinham mais concorrência, como anti-iflamatórios, por exemplo, recebiam reajuste integral. Já produtos para câncer (com menos concorrência) tinham reajuste menor. Agora todos os produtos sofrerão a mesma alta”, ressaltou o Mussolini.

Ele alertou para a elevada tributação do país. “Somos um dos únicos países do mundo que têm carga tributária sobre medicamentos”, disse. A média mundial é de 6% de impostos sobre medicamentos e no Brasil é de 30%. Segundo ele, a cada R$ 10 pagos pelo consumidor, R$ 3 são impostos. “Não fica nem na mão da indústria nem na mão do varejo”, definiu.
 
O aposentado Mário Xavier da Costa, 68, é cliente fiel da mesma farmácia há mais de 10 anos. Por mês, os gastos dele chegam a R$ 400. “Eu sempre compro no mesmo lugar, assim garanto um bom desconto”, explicou. Além disso, ele disse que, para tentar driblar os preços altos, sempre compra genéricos, mesmo que os médicos insistam em passar medicamentos de um laboratório específico. “Tem genérico que chega a ser a metade do valor dos de marca. Sempre que possível, levo o mais barato”, contou.

Peso no bolso
Sem um sistema de saúde eficiente, os gastos com medicamentos, muitas vezes, consomem boa parte da renda familiar. O aposentado Antônio Amaral, 74, por exemplo, gasta tudo que recebe do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), um salário  mínimo, em farmácias. A mulher dele está doente, internada em uma UTI, e os remédios são comprados para ela. “Faço bicos como pintor para conseguir me alimentar, já que os remédios consomem toda a minha renda”, explicou.

Os medicamentos têm os preços controlados pelo governo, que realiza reajustes anuais com base no Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Além disso, segundo a Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (Interfarma), outros três fatores são usados para definir as faixas de correção, sendo eles produtividade, concorrência das classes terapêuticas e forças econômicas, como câmbio e energia elétrica. “O cálculo do governo mostra com clareza que até a indústria farmacêutica está sendo atingida pelo momento difícil que o Brasil enfrenta”, afirmou Antônio Britto, presidente executivo da Interfarma.
 


Henrique Alves pede exoneração do Turismo

4

Resultado de imagem para Juristas potiguares realizam em Natal ato em defesa da democracia

O ministro Henrique Eduardo Alves, entregou nesta segunda-feira (28) o cargo de ministro do Turismo, que ocupava desde 16 de abril de 2015. Abaixo, a íntegra da carta enviada para a presidente da República, Dilma Rousseff.
carta_henrique

segunda-feira, 28 de março de 2016

Comandante das Forças Armadas pede reunião urgente com líder da oposição no senado 

 

BLOG    O   CIDADAO

FAAloysio

Um dos comandantes das Forças Armadas pediu reunião urgente com o Líder do PSDB no Senado, senador Aloysio Nunes (SP)

A reunião está marcada para amanhã (29).
Uma das causas que revela o ‘fundo do poço’ em que se encontra o governo Dilma é a aproximação dos chamados setores “de Estado” com a oposição.
Um dos comandantes das três Forças pediu reunião urgente com o Líder do PSDB no Senado, Aloysio Nunes (SP). 
Os comandantes militares estão inquietos e isso reflete a a ausência do governo; brasileiros indignados clamam por uma mudança imediata.
Na última semana, o Palácio do Planalto cogitou decretar “Estado de Defesa” para coibir e reprimir manifestações, porém os chefes militares rejeitaram a idéia absurda da presidente Dilma. 
(A informação é do colunista Claudio Humberto, do Diário do Poder)

2itk7dy

Generais do alto comando alertam oposição sobre a tentativa de decreto de Estado de Defesa 

 

BLOG  O  CIDADAO

Dilma se reuniu com o Ministro da Defesa Aldo Rebelo (PCdoB) na tentiva de viabilizar um decreto de Estado de Defesa.
Os chefes militares rejeitaram a idéia do Planalto de decretar “Estado de Defesa” para coibir e reprimir manifestações, como na Venezuela.
As discussões sobre o “Estado de Defesa”, cogitado por Dilma, foram reveladas a políticos da oposição nas conversas com chefes militares.
Fonte
Contagem regressiva
Chefes militares já se entendem com políticos de oposição
Todos deixam claro que consideram o governo Dilma acabado
Publicado: 28 de março de 2016 às 00:01 - Atualizado às 20:23
 
BLOG   O  CIDADAO

Se você tem dois anos de Registro em Carteira, você pode ter R$ 3.284,00 para receber do Governo, veja; 

 

BLOG   O   CIDADAO

O benefício do Abono Salarial assegura o valor de um salário mínimo anual aos trabalhadores brasileiros que recebem em média até dois salários mínimos de remuneração mensal de empregadores que contribuem para o Programa de Integração Social (PIS) ou para o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP).
Na forma operacional, para assegurar o direito do trabalhador, entre outras medidas, o Governo Federal institui a Relação Anual de Informações Sociais – RAIS a ser preenchida pelas empresas, com elementos destinados a suprir as necessidades de controle, estatística e informações das entidades governamentais da área social, especialmente no tocante ao cumprimento da legislação relativa ao PIS-PASEP, dentre outras. Assim, o direito ao Abono Salarial é aferido por meio do processamento da prestação das informações exigidas anualmente aos empregadores por meio da RAIS.
Historicamente, o período de recebimento do Abono Salarial tem seu início no segundo semestre de cada ano e se estende para o primeiro semestre do ano seguinte, conforme calendário de pagamento acordado pelo CODEFAT. Diferente de outros benefícios, não há, no caso deste benefício, a necessidade de requerimento do trabalhador para o recebimento do Abono Salarial sendo, até então, responsabilidade do Ministério do Trabalho e Previdência Social a identificação do público beneficiário e providências de operação para processamento e pagamento do benefício.
Caso você tenha trabalhado mais de 02 anos consecutivos com registro em carteira você poderá ir a qualquer agencia da Caixa Econômica Federal da sua cidade e solicitar o formulário de revisão de Abono Salarial, muitos advogados indicam aos clientes que façam o pedido de revisão pois existe uma brecha no sistema de pagamento no qual dá direito a indenização no valor de até R$ 3.284,00
É uma boa para o próximo mês não acha ?
Não perca tempo e vá correndo a uma agencia da CEF.
COMPARTILHE ESSA INFORMAÇÃO POIS MAIS DE 28 MILHÕES DE PESSOAS TEM O DIREITO A ESSE ABONO E NÃO SABEM.
Fonte: Márcio Melo via Alto santo É Notícia via 

Lula afirma que estava bêbado em gravações telefônicas, para justificar palavrões e ofensas ao STF 

 

BLOG   O  CIDADAO


Lula afirma que estava bêbado em algumas gravações, para justificar palavrões e ofensas ao STF

Pessoas próximas ao ex-presidente confirmam que Lula alegou que havia bebido "algumas doses" no momento em que foi filmado pela deputada Jandira Feghali (PC do B-RJ. A gravação foi feita horas após a Operação Aletheia, na sexta-feira, 5, onde o aparece em uma conversa na qual afirma: “Eles que enfiem no c... todo o processo”. Segundo interlocutores, Lula havia bebido algumas doses apenas para relaxar.

A gravação foi divulgada pela própria Jandira, na qual ela afirma que Lula estava "tranquilo" declara solidariedade ao petista, que havia prestado depoimento em mandado de condução coercitiva expedido pelo juiz Sérgio Moro.

Jandira gravou o vídeo no diretório nacional PT em São Paulo, pouco antes do discurso do ex-presidente sobre a 24ª fase da Lava Jato, que tem ele como alvo. A ideia era confortar a militância que estava apreensiva, pois horas antes, Lula havia sido conduzido coercitivamente para prestar depoimento sobre o esquema de corrupção da Petrobrás.
Segundo interlocutores, Lula tentou justificar o uso excessivo de palavrões em suas conversas e confidenciou que também estava meio alto em outras gravações onde aparece "meio" alterado, mas não souberam precisar quais seriam as gravações. Lula estaria embriagado em uma das conversas que teve com a presidente Dilma.

Procurador Geral da República desmente Dilma, informa que autorizou divulgação dos grampos e vai validar gravações 

 

 

BLOG    O  CIDADAO


O Procurador Geral da República, Rodrigo Janot se manifestou sobre os grampos autorizados pela justiça e sinalizou que todos os áudios foram gravados com autorização da justiça e que os grampos serão validados, incluindo a gravação entre Dilma e Lula.  Janot, disse nesta sexta-feira, em Paris, que a interceptação da conversa entre o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff não afronta as garantias constitucionais da Presidência da República,

Janot joga um balde de água fria no espetáculo protagonizado pela presidente Dilma Rousseff contra o juiz Sérgio Moro. O procurador informa que foi avisado e deu aval para a divulgação das conversas telefônicas do ex-presidente Lula horas antes de os procuradores da Lava Jato, em Curitiba, pedirem o fim do sigilo sobre a investigação do petista.

Janot também encerrou as polêmicas em torno da gravação que pegou Dilma combinando entregar a Lula um documento que lhe garantiria o foro privilegiado, caso fosse alvo de algum mandado de prisão. O procurador confirmou as informações do juiz Sérgio Moro sobre o horário em que pediu o encerramento das gravações. Segundo Janot, se a operadora demorou a cumprir o despacho, não cabe responsabilizar ninguém pelo caso.

Segundo o procurador, não houve violação dos direitos da presidente, já que o alvo das gravações era o presidente Lula, tudo perfeitamente legal.  Moro pediu autorização para tornar as gravações  públicas. O aviso foi feito pelos investigadores de Curitiba na manhã da última quarta (16), dia em que os grampos vieram a público.

O primeiro a ser informado sobre a existência das interceptações telefônicas e da disposição dos investigadores de Curitiba de pedirem o fim da decretação do sigilo dos áudios foi o chefe de gabinete de Janot, Eduardo Pelella.

Os grampos de Lula elevaram a temperatura política da crise e levantaram a suspeita de que Dilma Rousseff e Jaques Wagner, então chefe da Casa Civil, podem ter agido para blindar o petista.

Tentativa de suicídio na tarde de hoje 27/03/16 em Marcelino Vieira/RN

  
BLOG   O  CIDADAO
em Nossa Pau dos Ferros RN - Há 11 horas
Na tarde de hoje a pessoa conhecido por Aécio, filho de um policial aposentado, tentou contra a própria vida com um tiro de espingarda bate bucha na região do tórax. O mesmo foi socorrido para o HRCCA onde recebeu os cuidados médicos. Sem mais detalhes para o momento. 


NOTA: 
.
    AS NOTÍCIAS MUITAS VEZES SÃO PUBLICADAS  EM DESENCONTRO COM A REALIDADE. EM MARCELINO VIEIRA, A NOTÍCIA QUE CIRCULAVA ONTEM FOI UMA TENTATIVA DE SUICÍDIO MAS COM REVOLVER 32 E NÃO ESPINGARDA BATE BUCHA NÃO É FILHO DE POLICIAL. 
PUBLICADA DE FORMA EQUIVOCADA PELO BLOG NOSSA PAU DOS FERROS....
 

PORTUGAL manda novo recado ao Brasil “Se vocês não prenderem LULA, nós iremos fazer”

 

BLOG   O  CIDADAO

Portugal-pede-prisão-de-LULA
Autoridades policiais que investigam o negócio Oi-PT suspeitam da existência de movimentos que terão facilitado as autorizações políticas. Estes poderão ter partido das construtoras brasileiras, após receberem o dinheiro devido pela PT.
Portugal comunica de forma oficial a Suprema Corte do Brasil que LULA poderá ser preso caso a justiça do Brasil não tome as devidas providencias. “LULA tem que pagar pelo que fez
As autoridades policiais que investigam o negócio Oi-PT, celebrado em 2010, suspeitam que os movimentos financeiros que terão facilitado as autorizações políticas necessárias ao acordo de telecomunicações luso-brasileiro partiram das construtoras accionistas da operadora paulista, após terem recebido parte do dinheiro devido pela operadora portuguesa, no valor de 1200 milhões.
Os últimos meses têm sido de grande azáfama para a Polícia Federal, que procura desmontar a teia de corrupção e de lavagem de dinheiro urdida à volta da cúpula política brasileira. Um escândalo conhecido por “Lava-Jato”  (que se centra à volta de Lula da Silva) e que derivou para outras averiguações que se desenrolam em paralelo, uma delas com um elo luso-português: o negócio entre a PT e a Oi.
As investigações que hoje decorrem no Brasil e em Portugal, de modo autónomo, mas com canais abertos, já deixam levantar a ponta do véu sobre possíveis pagamentos de várias dezenas de milhões de euros ao universo restrito do ex-Presidente da República Lula da Silva, bem como a ex-governantes e gestores brasileiros e portugueses. Movimentos financeiros que as autoridades suspeitam poderem ter saído de veículos internacionais ligados aos accionistas da Oi, encabeçados pela construtora Andrade Gutierrez, através de territórios como Angola (onde opera também via Zagope) e Venezuela.
O presidente da Andrade Gutierrez é réu no processo Lava-Jato, sendo-lhe atribuídos os crimes de corrupção, de lavagem de dinheiro e de organização criminosa. Otávio Azevedo é considerado a cabeça da engrenagem que possibilitou o acordo entre a PT e a Oi em Julho de 2010. Um negócio que necessitou de múltiplas autorizações políticas dos dois lados do Atlântico e que começou a ser preparado no final de 2007 como resposta à intenção firme da Telefónica de adquirir os 50% da brasileira Vivo que estavam nas mãos da PT e que era o motor de crescimento da empresa portuguesa.
À procura de pistas