sexta-feira, 29 de dezembro de 2017



    HOJE ESTÁ MUDANDO DE IDADE  NOSSO AMADO  NETO NIKSON HUGO DE OLIVEIRA CARVALHO,  FILHO DO CASAL FRANCIMARY HONORATO E GILDERLANDIA GOMES DE OLIVEIRA, RECEBENDO OS CUMPRIMENTOS NA RESIDÊNCIA DE SEUS AVÓS EM MARCELINO VIEIRA-RN.



    

NIKSON HUGO, NÃO SABEMOS EXPLICAR,  EXPRESSAR EM PALAVRAS, NEM MESMO A PARTE DO GRANDE AMOR QUE SENTIMOS POR VC HUGUINHO,  EM NOSSOS CORAÇÕES QUE HOJE BATE MUITO FELIZ POR SER O SEU DIA MEU NETO. PARABÉNS PARA VOCÊ!

    
HUGUINHO, QUE A SUA VIDA SEJA SEMPRE DE MUITAS E MUITAS CONQUISTAS E REALIZAÇÕES. ADMIRAMOS  VOCÊ E PEÇO A DEUS COBRIR DE LUZ A ESTRADA DA SUA VIDA, E QUE ELA SEJA LONGA E MUITO FELIZ.

    SENTIMOS MUITO  ORGULHO DE SER SEUS AVÓS , E PERCEBER O QUANTO NOS SINTONIZAMOS CADA VEZ MAIS. OBRIGADO MEU NETO, POR FAZER ME SENTIR QUE TAMBÉM SOU ESPECIAL NA SUA VIDA.

    HOJE FESTEJAR E CANTAR OS PARABÉNS PARA VOCÊ, É MOTIVO DE MUITA ALEGRIA PARA NÓS . É MOTIVO PARA NOS  ELEVARMOS  NOSSOS  PENSAMENTOS EM GRATIDÃO A DEUS, QUE TUDO PROVÊ A TEMPO E A HORA.


    NICKSON HUGO
, FELIZ ANIVERSÁRIO PARA VOCÊ, MEU NETO QUERIDO, COM GRANDES ALEGRIAS E REALIZAÇÕES, PORQUE NINGUÉM MAIS QUE VOCÊ MERECE.
    OBRIGADO DEUS, FELICIDADES UGUINHO PARABÉNS DE SEUS AVÓS  POOROROCA E MARLY

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Dilma candidata pelo RN em 2018?

POSTADO POR BLOG O CIDADAO


Por Robson Pires, em


Rio Grande do Sul, Tocantins e Minas Gerais.
Especula-se que a ex-presidente Dilma Roussef seja candidata por um desses Estados.
Ops!
Não vai parar aí. Já falam que ela estaria sendo sondada para ser candidata ao senado pelo Rio Grande do Norte.
Contam que é um sonho da senadora e pré-candidata ao governo do Estado Fátima Bezerra que foi lançada pré-candidata ao governo do Rio Grande do Norte.

12/dez/2017

Eu aposto com quem quiser!


Por Robson Pires, em


Pré-candidato a deputado estadual nas eleições de 2018, o radialista Clovis Pereira, o popular PITULEIRA, diz aonde chega que terá mais votos do que o deputado estadual Nelter Queiroz em Caicó.
– Eu aposto com quem quiser, desafia. Acrescentando: sem sair da minha rede!



12/dez/2017

Caicó: Nelter deverá receber apoio de Roberto


Por Robson Pires, em


Rompido com o ex-deputado estadual Álvaro Dias o grupo do ex-prefeito de Caicó Roberto Germano caminha para apoiar a pré-candidatura do deputado estadual Nelter Queiroz no município.
É que Nelter mais queria.
Será que Queiroz aumentará sua votação em Caicó?
É somente uma pergunta.
Sempre foi ambígua.



12/dez/2017

Robinson preservou Julianne Faria


Por Robson Pires, em

Durante a solenidade de posse dos novos secretários do governo – Estela Dantas (Relações Institucionais), Dudu Machado (Detran) e Vagner Araújo (Sethas), o governador Robinson Faria (PSD) não fez nenhuma citação a passagem da sua mulher, Juliane Faria, pelo governo.



12/dez/2017

Carlos Eduardo ironiza rompimento entre PT e PSD


Por Robson Pires, em

Após a nota do PT com críticas pesadas ao governador Robinson Faria (PSD) o prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT), disparou uma frase irônica no Twitter: “Robinson Faria governador, Fátima Bezerra Senadora. Depois, Mineiro líder do governo Robinson. O que está havendo?”, questionou o prefeito.



12/dez/2017

Racha no PMDB caicoense


Por Robson Pires, em

A aliança do vice-prefeito de Natal, Álvaro Dias (PMDB), com o prefeito de Caicó, Robson Batata Araújo (PSDB), rachou o PMDB local. O ex-prefeito Roberto Germano (PMDB) disse que, nos dois anos do último mandato de deputado estadual, Álvaro não destinou um centavo para o município.
Álvaro criticou a gestão de Roberto de quem foi aliado.



12/dez/2017

De olho em Mossoró


Por Robson Pires, em

O município de Mossoró, segundo maior colégio eleitoral do Estado, desequilibrou e acabou sendo fundamental nos resultados das eleições de 2002, 2006, 2010 e 2014. Quem quiser chegar com força para 2018 terá como tarefa ir buscar a simpatia dos mossoroenses.



12/dez/2017

Bolsonaro defende ditadores


Por Robson Pires, em

Defensor declarado da ditadura militar no Brasil, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC), pré-candidato a presidente da República, tem se mostrado fã de regimes totalitários, que perseguem politicamente opositores e cerceiam a liberdade. Até o ex-ditador venezuelano Hugo Chávez Bolsonaro elogiou.



12/dez/2017

Caiu fora!


Por Robson Pires, em


Um dos fundadores do Partido Ecológico Nacional (PEN) no Rio Grande do Norte, o advogado Luiz Gomes foi destituído, no final da semana passada, da presidência do Diretório Estadual da legenda. Além dele, outros membros da executiva estadual foram retirados de seus cargos, a exemplo da vereadora natalense Nina Souza, que era vice-presidente estadual até então.
Apesar de as trocas nos comandos dos partidos serem habituais, a forma como a mudança aconteceu desagradou a Luiz Gomes, que denuncia que a sua saída da presidência foi “desleal” e “desrespeitosa”. “Até agora, não houve nenhuma comunicação, mas já fui ao TRE e examinei que não sou mais o presidente. Ninguém foi avisado, foi na ‘curva da noite’”, critica o advogado, que é suplente de deputado estadual.
Em nota, Luiz Gomes lamentou a postura adotada pela Executiva Nacional da sigla, que mudará em breve para Patriota, uma das exigências impostas por Jair Bolsonaro (PSC-RJ) para se filiar ao partido. “Manifestando de forma veemente, com profunda decepção, tristeza e indignação, pela forma desprezível com que a direção nacional do partido tratou toda a trajetória da Executiva Estadual do PEN do RN, ao decidir mudar o nome da sigla, estatuto, programa, ideais e sobretudo destituir seus membros dirigentes do RN, sem o mínimo respeito e consideração com quem construiu a sua história”, declarou.
O agora ex-presidente estadual do PEN afirma que não irá se desfiliar imediatamente do partido, porque, se o fizer, ficará inapto para assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa em caso de vacância de algum dos titulares. Todavia, ele conta, fará “oposição” dentro do partido junto com um grupo de lideranças do interior. “Os filiados ficaram indignados com esse ato. Eles confiam em mim e estão acompanhando nossa luta há mais de cinco anos. Serei oposição dentro do partido, mas a ideia é se desfiliar o mais rápido possível”, completa.
Em substituição a Luiz Gomes e outros membros da diretoria, assumiu a Executiva Nacional do PEN um grupo de militares da reserva. O novo presidente será o brigadeiro general da reserva da Aeronáutica Carlos Eduardo da Costa.



12/dez/2017

Paz? Tucanos continuam se engalfinhando


Por Robson Pires, em

O ex-governador Alberto Goldman (PSDB-SP) diz que o prefeito de SP, João Doria, “é um mentiroso” ao afirmar que recebeu dele um pedido de desculpas por ter criticado a administração. E diz que o prefeito jamais se desculpou por chamá-lo de fracassado. “Nunca conversamos sobre isso.”
Em entrevista à Folha, no sábado (9), Doria afirmou que Goldman “já pediu desculpas a mim e eu já falei com ele”, também para se desculpar.



12/dez/2017

Governo do RN sem data para pagamento do 13º salário


Por Robson Pires, em

A apenas nove dias do fim do prazo legal para pagamento do 13º salário dos servidores públicos, o governo não confirma se irá honrar o compromisso e também não divulgou nenhum outro tipo agendamento.
Sobre o assunto, a única informação confirmada pela assessoria de imprensa do poder Executivo é o complemento do mês de outubro, cujo pagamento está marcado para quarta-feira (13). O montante é referente ao restante dos salários acima de R$ 4 mil.
O governo vem encontrando dificuldades para reunir os recursos financeiros do 13º salário e do mês do novembro. Na semana passada, o Executivo foi obrigado, por força de ordem judicial, a fazer os repasses dos duodécimos dos poderes.



12/dez/2017

Tiririca não produziu nem o próprio bordão


Por Robson Pires, em

Tiririca vive do folclore, exclusivamente. Como se sabe, não produziu coisa alguma de relevante desde que chegou à Câmara, em 2010.
Como parlamentar, ele é só mais um, literalmente.  Não participa das discussões importantes, não aprovava projetos, não relata propostas e apenas dá seu voto conforme orientação do partido.
Tiririca sequer costuma se sentar nas cadeiras do plenário exclusivas de parlamentares.
Normalmente, fica nas poltronas laterais, reservadas a assessores, assistindo a tudo de longe, como um ouvinte. Ou então, está no cafezinho do plenário pondo em prática o que fazer de melhor, piadinhas de gosto duvidoso.
Mas, como dito, ele sobrevive do folclore.
Na quarta (06), após fazer seu discurso de despedida e dizer que estava decepcionado com o que viu na Câmara, recebeu afagos dos colegas.
Rogério Rosso, deputado do PSD do Distrito Federal, perguntou de onde a excelência tirou o bordão de sua campanha – “Vote no Tiririca, pior do que está não fica”. Nem isso ele produziu.
(Veja mais…)



12/dez/2017

Dilma candidata pelo RN em 2018?

 

POSTADO POR BLOG  O CIDADAO


Por Robson Pires, em


Rio Grande do Sul, Tocantins e Minas Gerais.
Especula-se que a ex-presidente Dilma Roussef seja candidata por um desses Estados.
Ops!
Não vai parar aí. Já falam que ela estaria sendo sondada para ser candidata ao senado pelo Rio Grande do Norte.
Contam que é um sonho da senadora e pré-candidata ao governo do Estado Fátima Bezerra que foi lançada pré-candidata ao governo do Rio Grande do Norte.

O PT é uma seita e algumas seitas são um PT

POSTADO POR BLOG O CIDADAO


Por Robson Pires, em

Que o PT não é um partido, mas uma seita, até o Palocci concorda.
Falta nos darmos conta de que algumas seitas não são religiões: são um PT.
O fiel sustenta com o dízimo um “pastor” que forja milagres, mente descaradamente, manipula, ludibria e vive como um nababo, enquanto o rebanho pasta.
Troque “fiel” por “militante” – e “pastor” por “a alma mais honesta do país” – e já não se sabe mais se está falando de um partido neopentecostal ou da seita petista.
O PT se gaba do SUS ser motivo de orgulho, coisa de primeiro mundo, sistema “perto da perfeição”.
Mas sua elite se instala é no Sírio Libanês, que é para onde também correm os “pastores” – os mesmos que curam milagrosamente, num piscar de olhos, num levantar de mãos, os males mais incuráveis.
Essa rede de sanguessugas abre um “templo” em cada esquina – e quanto mais pobre o lugar, mais o negócio prospera.
Exatamente como o PT (e linhas auxiliares), que foi montar sua barraca entre as “minorias”, nas periferias do progresso, onde vende mais fácil o terreno (fictício) no céu do Socialismo.
Seitas trabalham com narrativas sobrenaturais tão delirantes quanto as ideológicas.
E desenvolvem uma linguagem própria (o dom das línguas ininteligíveis não é exclusividade da finada presidenta work alcoólica).
PT e seitas sabem que estão mentindo.
Militantes e crentes se recusam a admitir que estão sendo enganados.
Não importa quantos “pastores” sejam flagrados aplicando golpes, cometendo abusos.
Não importa quantos “guerreiros do povo brasileiro” tenham deixado suas digitais no maior assalto já praticado contra o estado.
Crentes e militantes seguem aprimorando a Síndrome de Estocolmo.
Fanáticos petistas e pentecostais não roubam só os outros – roubam a si mesmos.
O roubo é parte do seu método.
Uns fazem lavagem de dinheiro das doações (não contabilizadas) comprando horários em canais de televisão (que pertencem a eles próprios) e que se destinam apenas a aumentar a arrecadação – necessitando mais horários de pregação para lavar mais dinheiro.
Outros tentam erguer “memoriais da anistia” ou museus de autolouvor – mas mesmo aí a tentação de roubar é mais forte que o cabotinismo.
Professores mineiros que desejavam a construção de um memorial dos malefícios da ditadura protestaram contra a condução coercitiva daqueles que desviaram o dinheiro destinado a esse monumento. Será que não percebem a contradição?
Investigue-se algum dos charlatães que expulsam demônios, vendem sabonetes milagrosos ou cobram para fazer lobby junto a uma divindade (charlatães que sabem que não há divindade alguma, ou temeriam ser punidos por sua conduta na última instância de um hipotético juízo final). Os devotos serão os primeiros a protestar contra a expulsão dos vendilhões do templo. Será que não percebem a incoerência?
Não parece haver alforria possível para a escravidão voluntária.
By Eduardo Afonso (Ilisp