domingo, 27 de janeiro de 2019

Especialistas israelenses embarcam rumo ao Brasil para ajudar nas buscas em Brumadinho

A missão com 130 especialistas israelenses que vêm ao país ajudar no trabalho em Brumadinho deixou o país na manhã deste domingo (27).
Segundo o governo israelense, eles deverão desembarcar na região do desastre na noite deste domingo, com 16 toneladas de equipamentos.
Israel está enviando sonares e máquinas para bombear a lama, além de quatro veículos.
A equipe é formada por socorristas, médicos, engenheiros e especialistas em operar equipamentos para localizar vítimas de soterramento.
Os israelenses têm conhecimento técnico nesse tipo de tarefa em razão do treinamento contra possíveis desabamentos provocados por ataques terroristas.
O governador Romeu Zema (Novo) foi informado da chegada da missão israelense após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) aceitar a ajuda oferecida pelo primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.
Neste domingo os bombeiros iniciaram a evacuação de comunidades de Brumadinho após a constatação de que uma quarta barragem da Vale apresenta risco iminente de rompimento. Um alarme de aviso sobre rompimento de barragem soou às 5h30.
Os bombeiros informaram que 350 pessoas deverão ser evacuadas. As famílias serão levadas para a parte mais alta do núcleo urbano ou deslocadas para outras localidades na região de Brumadinho.
Pela manhã, a neblina atrapalhava as operações de resgate aéreo com helicópteros a partir da base montada na igreja do Córrego do Feijão.
Oficialmente, a lista de mortos chegou a 37 pessoas, segundo o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. Ao menos 256 continuavam desaparecidos, ainda de acordo com a corporação. ​
Folhapress

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.

domingo, 17 de fevereiro de 2019 Marcelino Vieira: vereadora arrancou aplausos e gritos de apoios na primeira sessão POSTADO POR B...