domingo, 6 de janeiro de 2019

MARCELINO VIEIRA: E SEGUE A TORMENTA DE MORADORES DO TRAJETO DO JEGUE FOLIA.


POSTADO POR  BLOG  O CIDADAO
Seguem as reclamações, nas redes sociais, exatamente pela medida tomada pela administração do Jegue Folia. Pessoas reclamam que não podem sair e chegar em suas residências, como de costume, devido as grades de segurança para abrigar os foliões que participam da micareta fora de época em Marcelino Vieira.
Centenas de manifestações de repúdio as regras impostas para os moradores que têm casas na extensão da avenida onde concentra-se o bloco de carnavalescos.
Segundo nos informou um morador, estes são obrigados a cadastrarem-se para que tenham acesso a rua em que moram. E que, os seguranças estão dificultando este acesso.
É uma afronta ao que rege a Constituição Federal, Carta Magna de rege o país, que veta toda e qualquer forma de interrupção no sagrado direito de ir e vir.
O blog entrou em contato com o delegado de polícia civil, Paulo cesário, que nos informou que quanto a colocação das grades, o mesmo foi de pronto, favorável, em virtude de resguardar os foliões, no tocante a prática de furtos. Inclusive, segundo o policial, na sexta-feira, primeiro dia do Jegue Folia de 2018, foram registrados 23 ocorrências, além das vítimas que não deram queixa na delegacia da cidade. em 2019, no dia de ontem, apenas 8 ocorrências foram formuladas. 
Ou seja, uma diminuição de 65,21% das ocorrências de furto entre estes dois anos, no primeiro dia do evento, propiciado em muito, pelo uso das grades de contensão, que dificulta a ação dos delinquentes.
Necessário é, que a prefeitura de Marcelino Vieira, reveja essa questão, para que os moradores não sejam prejudicados como estão nitidamente sendo, até o momento. Falta, possivelmente, que a administração defina regras, que possibilite a organização do evento, disponibilizar segurança aos participantes, deforma que não fira o direito de moradores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para que possamos desenvolver um bom trabalho.

É hora de interpretar o que representa a prisão de Michel Temer Sexta, 22 de Março de 2019 Passada a euforia da prisão do e...