sexta-feira, 7 de junho de 2019




          ONTEM O CALENDÁRIO VIROU MAIS UMA PÁGINA DE MUITA ALEGRIAS PARA TODOS NÓS, O ANIVERSÁRIO DE NOSSA AMADA MARIZA HONORATO DE CARVALHO, RECEBEU OS PARABÉNS E AS SURPRESAS DE SUA FILHAS ABIGAIL, AGRINHA E  IRMÃOS, TANIA TIMERY, EM SUA RESIDÊNCIA !!!


  


     Amada MARIZA, Feliz aniversário, minha filha. Acredite sempre em você, na sua força e que você pode conquistar tudo o que quiser, ainda que te digam que não. Estamos sempre com você!
      
Filha amada por todos nós, Parabéns por comemorar mais uma vez esta data. Enquanto nós estivermos aqui na terra, vamos celebrar ao seu lado. Parabéns, minha filha que tanto amamos! Uma nova etapa começa. Que você possa ser mais feliz, mais amada e ter mais sonhos. Feliz aniversário! Querida filha Deus te abençoe !!!

     
PARABÉNS DE SEUS PAIS:   POROROCA E MARLY 


















 

segunda-feira, 3 de junho de 2019

segunda-feira, 3 de junho de 2019

PCC fez planos para matar agente penitenciário no Ceará

Em conversas telefônicas interceptadas pela Justiça, integrantes da facção Primeiro Comando da Capital (PCC) discutem como fariam para matar servidor público que atuava com rigor dentro de presídio, na Região Metropolitana. O agente seria morto em um assalto forjado

POSTADO POR BLOG  O CIDADAO E RÁDIO WEB CIDADE


   
Um assalto que terminaria em morte. Era assim que membros da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) planejavam disfarçar a execução de um agente penitenciário cearense (identidade preservada), cuja atuação num presídio estaria desagradando a detentos ligados à facção. A trama para "quebrar" (matar) o agente foi discutida por vários chefes hierárquicos do PCC no Ceará, mas não foi concretizada.
As negociações, "debates", planejamento e tratativas para matar o agente foram captados em interceptações telefônicas autorizadas pela Justiça e fazem parte de uma investigação dos órgãos de Inteligência da Segurança Pública e do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), obtida com exclusividade pelo Sistema Verdes Mares.
Às 16h43 do dia 19 de junho de 2017, Joeldo Alves Maciel, o 'Tumba', 'Jumbo' ou 'Gordão', uma das principais lideranças do PCC, que ocupava, na época, a função de 'Geral da Rua' (homem por trás de todas as ações da facção fora dos presídios), recebe a ligação de Anderson Mota Barbosa, o 'Mota', 'Geral da Rifa', responsável pela cobrança da rifa, uma espécie de 'dízimo' que outros membros da organização criminosa pagam. Conforme a investigação, Mota também é um dos matadores do PCC.
Na conversa, Mota pede autorização de 'Tumba' para matar um agente penitenciário. O homem diz que vai esperar o servidor público, que mora na mesma favela que ele domina, sair de lá para "quebrar", praticar o homicídio. 'Tumba', que foi morto a tiros 11 dias depois dessa conversa defronte a uma Igreja, diz que Mota precisa falar com o 'Pateta'. Na verdade, 'Pateta' e 'Miguel Oião' são a mesma pessoa: Francisco Miguel Sales da Silva, apontado pelos investigadores como um dos chefes do PCC no Ceará e que integra o 'Quadro do Resumo', composto pela cúpula da organização criminosa no Estado.
Seis minutos depois, às 16h48, Mota pede o aval de outra liderança do PCC para executar o agente penitenciário. No diálogo, interceptado com autorização judicial, Mota relata para Adriano Sousa da Silva, o 'B2', já ter conseguido o aval de 'Tumba' e colocou o pedido para matar o agente em um grupo de WhatsApp da facção, pois 'Pateta' não fala por ligação de voz, só pelo aplicativo.
Pedido
'B2' quer saber "quem é o agente?". Mota responde que ele "atua na III", a Casa de Privação Provisória de Liberdade (CPPL) III, e que "oprime os cara lá (sic)". Mota passa o telefone para Maldine Correia de Araújo, o 'Maldini', falar com 'B2'. 'Maldini' explica que o pedido para matar o agente veio de um detento da CPPL III identificado como 'Chaveirinho'. Na conversa, 'Maldini' diz que servidor estaria envolvido em agressões contra detentos, mas revela outro fato que pode ter sido responsável pelo agente não ter sido morto: a mãe do funcionário público morava na favela.
Adriano Silva, o 'B2', aconselha 'Maldini' a estudar melhor a situação e pondera que "uma morte na favela chamaria muita atenção da Polícia" e salienta que a mãe do agente conhece os integrantes da quadrilha. Ainda na conversa, 'Maldini' argumenta que vai simular um latrocínio (roubo seguido de morte) e que 'Chaveirinho' está com raiva porque o agente teria apreendido celulares dos presos.
Mais uma vez, conforme o relatório da interceptação telefônica, 'B2' destaca que o assunto da morte do agente não deveria ter sido colocado no grupo de WhatsApp porque os presos vão ficar cobrando e diz que (a morte) "vai embaçar" por conta da mãe do servidor. "Isso não pode ser em grupo, era pra ser só na limpeza, porque se eu estou em grupo, o pessoal vai cobrar, vai querer que eu mate. "A questão é que a mãe dele conhece todo mundo e se os caras da Polícia vierem... Vão quebrar um bocado... ".
'Maldini' diz que "só pega se der certo" e tem que fingir que é um assalto. "Tem que anunciar um assalto 'bora, é um assalto', e tal, e tal... Ele desce da moto, desceu da moto, pega qualquer coisa e depois mata e ir simbora (sic). Abandona a moto, toca fogo. E pronto, mataram...". 'B2', por sua vez, afirma que "vai trocar uma ideia com Pateta" e que depois dá um retorno.
No mesmo dia 19 de junho de 2017, 'B2' diz que falou com 'Pateta' e que ele vai falar com 'Chaveirinho' para decidir. O crime não foi consumado. A investigação não aponta por qual motivo, mas destaca que Miguel era 'amigo' de infância do agente penitenciário. Ao tomar ciência dos planos do grupo, o servidor público chegou a retirar sua mãe do local, fazendo com que ela fosse morar em outro bairro.
Todos os acusados negaram articular a morte e afirmaram não participar de nenhuma organização criminosa. Ao analisar o caso, o Juízo da 11ª Vara Criminal da Comarca de Fortaleza condenou, em abril deste ano, por associação criminosa, quatro dos cinco envolvidos na trama. 'Chaveirinho' não foi identificado.
"Pelo exposto, transparente, portanto, a gravidade dos fatos apresentados nos áudios, refletindo o total desinteresse pela vida. Os fatos apresentados neste pleito demonstram a certeza quanto à autoria de quatro, dos cinco apontados na denúncia, quanto aos delitos lá ventilados", diz trecho da decisão. A sentença destaca também que "as gravações obtidas demonstram uma total frieza e morbidade nos interlocutores, que planejam, de forma gélida a morte do agente penitenciário".
DN

I Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa é realizada com sucesso em Francisco Dantas

 

POSTADO POR BLOG  O CIDADAO

O Conselho Municipal do Idoso - CMI, através da Secretaria Municipal de Assistência social, realizou na quarta feira (29/05/2019) a I Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, com o tema: "Os Desafios de Envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas".

Na abertura do evento o grupo de senhoras remanescentes fiel - Igreja Bela Vista juntamente com os idosos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - SCFV realizaram uma apresentação Cultural. Em seguida a secretaria de Assistência Social, Conceição Romana e a presidente do CMI: Ana Vanúbia de Almeida ressaltaram a importância da I Conferência Municipal dos Direitos da Pessoas Idosa, destacando que o envelhecimento é um processo intrínseco ao ser humano apresentado reflexões e desafios para diversas políticas públicas, que seja na saúde, habitação, assistência social, cultura e outras, como também na sociedade. Somente com a atuação de todos é que podemos melhorar a qualidade de vida destas pessoas e garantir seus direitos conforme preconiza o estatuto do Idoso, ou seja, precisamos pensar conjuntamente nas demandas que se apresentam e este será o papel da Conferência, onde traçamos diretrizes com a aprovação das propostas.

O evento teve como conferencista Genário Pinheiro.


sábado, 1 de junho de 2019

PM reage na hora do assalto e, mesmo esfaqueado, matou um dos bandidos no bairro Damas, em Fortaleza

 

POSTADO POR BLOG  O CIDADAO 

Sábado,01 junho de 2019

Um sargento da Reserva Remunerada (RR) da Polícia Militar reagiu a uma tentativa de assalto na manhã desta sexta-feira (31) e, mesmo ferido, conseguiu sacar sua pistola e atirar contra um dos bandidos, que morreu na hora. O crime ocorreu no bairro Damas, na zona central de Fortaleza.
Segundo testemunhas, o militar (identidade preservada), que mora nas proximidades, saiu de casa para ir busca seu automóvel que estava estacionado nas proximidades. Ao chegar no cruzamento da Avenida João Pessoa com a Rua Barão de Sobral, o militar foi atacado por dois homens armados de faca. Reagiu e foi esfaqueado em um dos braços.
Mesmo ferido, o PM sacou sua pistola e atirou contra os criminosos. Um deles foi atingido por um dos tiros e morreu na esquina. Ao lado do bandido morto ficou a faca que ele usou para golpear o militar.
O sargento foi socorrido por populares e levado para um hospital e de lá deve se apresentar na delegacia de Polícia Civil da área.
O assaltante morto não foi identificado. Já o comparsa dele conseguiu fugir.
Outros crimes
Nas últimas 24 horas, três assassinatos foram registrados no Interior do Ceará. Um deles no Distrito de Araquém, no Município de Coreaú, na Zona Norte do estado (275Km de Fortaleza). Era por volta de 21h40 de ontem, quando um homem identificado por Eronildo, foi morto a tiros por dois bandidos que fugiram do local em uma motocicleta.
Em Sobral, no Distrito de Aracatiaçu (224Km de Fortaleza), um homem identificado somente por Josimar, foi assassinado na noite passada. Segundo apurou a Polícia, os assassinos invadiram a casa da vítima e fuzilada diante da família.
Em Trairi ( 130Km de Fortaleza), um homem foi morto a tiros na noite de ontem. O crime aconteceu no Distrito de Canaã, tendo como vítima, José Flaviano dos Santos Viana, 23.


(Blog do Jornalista Fernando Ribeiro)

Avião de Amado Batista faz pouso forçado próximo a Vitória da Conquista

A equipe retornava de um show na cidade de Itiruçu, onde o cantor havia se apresentado no último domingo (1º). Amado Batista não estava à bordo
Da Redação Atualizado às 12h24

Um avião monomotor que transportava nove integrantes da equipe do cantor Amado Batista fez um pouso forçado na manhã desta segunda-feira (2), na BA-262, entre os municípios de Aracatu e Vitória da Conquista, no Sudoeste da Bahia.

A equipe retornava de um show na cidade de Itiruçu, onde o cantor havia se apresentado durante o São Pedro, no último domingo (1º). O cantor Amado Batista não estava à bordo. Ele havia retornado para a capital paulista em outra aeronave.

Avião de Amado Batista faz pouso forçado próximo a Vitória da Conquista. Foto: Erivan Coqueiro

O avião modelo Caravan, de prefixo PR-ARZ, seguia em direção a Montes Claros (MG), onde abasteceria antes de seguir até São Paulo. Ao sobrevoar a região, o piloto teria notado uma falha no motor do avião.
O piloto utilizou a rodovia como pista para o pouso. Apesar do susto, ninguém ficou ferido durante a manobra de emergência. A aeronave não sofreu nenhum dano e será removida do local somente após a chegada de mecânicos de Goiânia, que deixaram a cidade com destino ao município baiano nesta segunda.
Em contato com o Correio24horas, a assessoria de Amado Batista informou que os músicos e produtores do cantor devem retornar a São Paulo em um voo ainda nesta segunda-feira (2). Após os reparos, o avião seguirá para o hangar alugado pelo cantor no município de Jundiaí, interior de São Paulo.

Avião de Amado Batista faz pouso forçado próximo a Vitória da Conquista

 

POSTADO POR BLOG  O CIDADAO

A equipe retornava de um show na cidade de Itiruçu, onde o cantor havia se apresentado no último domingo (1º). Amado Batista não estava à bordo
Da Redação Atualizado às 12h24

Um avião monomotor que transportava nove integrantes da equipe do cantor Amado Batista fez um pouso forçado na manhã desta segunda-feira (2), na BA-262, entre os municípios de Aracatu e Vitória da Conquista, no Sudoeste da Bahia.

A equipe retornava de um show na cidade de Itiruçu, onde o cantor havia se apresentado durante o São Pedro, no último domingo (1º). O cantor Amado Batista não estava à bordo. Ele havia retornado para a capital paulista em outra aeronave.

Avião de Amado Batista faz pouso forçado próximo a Vitória da Conquista. Foto: Erivan Coqueiro

O avião modelo Caravan, de prefixo PR-ARZ, seguia em direção a Montes Claros (MG), onde abasteceria antes de seguir até São Paulo. Ao sobrevoar a região, o piloto teria notado uma falha no motor do avião.
O piloto utilizou a rodovia como pista para o pouso. Apesar do susto, ninguém ficou ferido durante a manobra de emergência. A aeronave não sofreu nenhum dano e será removida do local somente após a chegada de mecânicos de Goiânia, que deixaram a cidade com destino ao município baiano nesta segunda.
Em contato com o Correio24horas, a assessoria de Amado Batista informou que os músicos e produtores do cantor devem retornar a São Paulo em um voo ainda nesta segunda-feira (2). Após os reparos, o avião seguirá para o hangar alugado pelo cantor no município de Jundiaí, interior de São Paulo.

Massacre de Manaus: 17 presos são transferidos para presídio federal de Mossoró

 

POSTADO POR BLOG  O CIDADAO 

Transferência de 17 presos de Manaus para Mossoró foi concluída na noite desta quinta (30). — Foto: Marcelino Neto/O Câmera
Dezessete detentos envolvidos no massacre de 55 presos em presídios do Amazonas foram transferidos para a Penitenciária Federal de Mossoró. A transferência foi concluída na noite desta quinta (30). A direção do presídio federal confirmou a chegada dos presos.
Outros nove detentos já haviam sido transferidos de Manaus na terça (28): três para a Penitenciária Federal de Brasília e seis para para Catanduvas, no Paraná.

Massacre em Manaus

A suspeita das autoridades é de que o massacre nos presídios de Manaus tenha sido motivada por uma disputa pelo comando de uma mesma facção. Na noite desta terça-feira, chegou ao estado o grupo da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP), que ficará por 90 dias dentro das unidades onde ocorreram os conflitos.
A maioria dos 55 detentos mortos nesta semana morreu de asfixia ou golpeada por objeto perfurante. Até esta terça-feira, 16 corpos haviam sido liberados. O massacre é o segundo ocorrido no Amazonas em menos de 3 anos.
Em 2017, os presídios de Manaus já tinham sido palco do maior massacre do sistema penitenciário do estado, com 65 mortes dentro de unidades prisionais — foram 56 casos apenas no Compaj. Naquela época, membros da Família do Norte (FDN) atacaram presos do Primeiro Comando da Capital (PCC) durante uma rebelião que durou 17 horas.
O juiz Glen Machado, titular da Vara de Execução Penal, disse que os novos confrontos ocorreram por causa de uma briga de poder dentro da FDN, que age nos presídios do Norte e Nordeste do país e domina a rota do tráfico no rio Solimões. 
*G1 RN/JP

          ONTEM O CALENDÁRIO VIROU MAIS UMA PÁGINA DE MUITA ALEGRIAS PARA TODOS NÓS, O ANIVERSÁRIO DE NOSSA AMADA MARIZA HONORAT...